Projeto exibe filmes através da energia solar. Conheça!

Tudo funciona a partir de uma van equipada com placas solares que possibilitam, através de um sistema conversor de energia solar para elétrica, a exibição de filmes

0
204
Projeto Cinesolar- Israel Barreto

Você sabia que filmes podem ser exibidos a partir da energia solar? Não? Pois podem sim. É o que o Cinesolar, inovadora inciativa brasileira de cinema itinerante, se propõe a fazer. Tudo funciona a partir de uma van equipada com placas solares que possibilitam, através de um sistema conversor de energia solar para elétrica, a exibição de filmes e apresentações artísticas.

O projeto chegou ao Piauí e exibe filmes em São João do Piauí, dia 8 de julho e em Ribeira do Piauí, dia 9 de julho. Nas duas cidades, das 18h às 19h serão exibidos curtas com a temática de sustentabilidade e a partir das 19h será exibido um longa-metragem, a ser escolhido na hora. As opções são “Cine Holliúdy”, dirigido por Halder Gomes e “O Auto da Comparecida”, dirigido por Guel Arraes. A entrada é franca.

No interior do veículo, há 100 assentos para o público e telão com metragem de 200 polegadas (que são levados para fora para a montagem da “sala de cinema”), além de sistema de projeção e até um EcoDJ.  Quando chega aos locais de exibição (como periferia de grandes cidades, cidades do Interior, até mesmo sem luz elétrica; comunidades e aldeias indígenas), tudo é retirado da van e o cinema é montado em lugares como praças públicas e quadras esportivas. Nas cidades do Estado a equipe do Cinesolar levará até um pipoqueiro, com pipoca gratuita, para que o público tenha uma experiência real de ir ao Cinema.

Durante o evento acontece também a Eco Estúdio Solar – exposição tecnológica sustentável, com apresentação da van Cinesolar Tupã e do projeto como um todo. Dentro da van, infográficos e monitores mostram como funciona o carro e são passadas informações sobre os princípios básicos da energia solar (por exemplo: como a energia solar se transforma em energia elétrica). Além disso, são mostrados produtos de sustentabilidade e tecnologias renováveis, com aplicações práticas no dia-a-dia, como um instigante relógio de batatas.

No período da tarde, das 14h às 17h, também será ofertada a Oficinema Solar (Oficina de Cinema), evento fechado, voltado a alunos de escolas da região. Além de participarem de uma introdução ao audiovisual e de desenvolver um roteiro de cinema, durante a oficina esses jovens produzem um filme curta-metragem, que é exibido à noite, junto com os outros filmes da programação.

O Cinesolar é a primeira iniciativa de cinema itinerante que funciona através de energia renovável, aliando difusão cultural e meio ambiente. Desde o início das atividades, em 2013, o Cinesolar, em seus diversos circuitos, realizou 417 sessões e 123 oficinas em 229 cidades de “todo” o País, ultrapassando 69 mil espectadores. A economia de energia elétrica chega a 306.900 watts, equivalente a mais de cinco mil horas de uma televisão de 20 polegadas ligada ininterruptamente. Além de realizar sessões sustentáveis, as temáticas dos filmes trazem a sustentabilidade à tona.

Sem comentários

LEAVE A REPLY